«É preciso continuar a caminhar no sentido da inovação e diversificação» dos laticínios

cristas_copy«A preocupação do Governo é continuar a caminhar no sentido da inovação e diversificação», afirmou a Ministra da Agricultura e do Mar, Assunção Cristas, sublinhando a importância da internacionalização, nomeadamente, através da «recente abertura do mercado chinês aos laticínios portugueses». Estas declarações foram feitas em Ponta Delgada, nos Açores.

Acrescentando que Portugal «tem mantido, e manteve sempre, uma posição firme contra o fim das quotas leiteiras na Europa, previsto para 2015», a Ministra referiu também «a necessidade de se manter a pressão em respostas que possam ser acionadas de forma até preventiva em situações de crise na área do leite».

Ainda sobre este setor agrícola, a Ministra acrescentou: «A Comissão Europeia está a fazer um estudo de impacto para saber se vai ou não reformar o POSEI (um programa especialmente concebido para zonas periféricas)». E explicou: «A posição do Estado português foi que não era necessário reformar, mas utilizar bem os instrumentos do POSEI», donde, «continuará a haver apoio para o setor do leite».

«Para além de um programa de apoio ao investimento local, que pode ter uma componente forte de apoio aos investimentos para a modernização e diversificação dos produtos derivados do leite, o que é uma aposta grande para o País, os instrumentos financeiros continuarão a existir», afirmou.

Assim, «é importante que os produtores se possam empenhar em ações conjuntas para diversificarem as suas produções e encontrarem também mais mercados», até porque nos Açores «existem belíssimos laticínios».

Sobre a estratégia para o mar e para as pescas, Assunção Cristas referiu: «Os Açores, com a sua posição geográfica e vocação marítima, estão particularmente bem posicionados para serem um ator privilegiado e liderante em matéria de economia do mar e de execução da estratégia nacional para o mar».

Fonte: Portal do Governo

 

Anúncios