Paulo Portas: “Morte prematura” de D. José Policarpo “é uma perda para todos”


1901298_10201706471007112_1272433831_n“Pastor da Igreja de Lisboa e da Igreja portuguesa, o Senhor D. José Policarpo deixa-nos o testemunho empenhado da esperança, o exemplo da reflexão profunda e frontal, e a memória de uma vida de construção e compreensão pelo próximo.

Para todos os portugueses, o XVI Patriarca de Lisboa nunca deixou ajudar a compreender o nosso tempo e de intervir no nosso mundo; para os católicos, em especial, a sua fé e confiança foram uma interpelação constante.

Homem de cultura e acção – pensada, dialogada e partilhada -, a sua morte prematura é uma perda para todos, sem distinção de credo ou fé, e apresentamos as nossas condolências, acompanhados por tantos que já sentem a sua falta, à sua família e à Igreja portuguesa”.

Paulo Portas

Anúncios
%d bloggers like this: