Dia Internacional da Biodiversidade


Despoluição do Sado é fundamental
A Ministra da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território, Assunção Cristas, defendeu hoje que o trabalho de despoluição do Sado é fundamental para o aumento da população de golfinhos no rio.
No âmbito do Dia Internacional da Biodiversidade, Assunção Cristas embarcou num galeão no Porto de Setúbal para observar a comunidade de golfinhos do estuário do Sado, que atualmente conta com 27 indivíduos.
Um património valioso
Portugal tem aqui um exemplo da riqueza marinha que pode ser divulgado tanto aos portugueses como aos estrangeiros. Tem havido um esforço para despoluir esta zona, mas ainda há muito a fazer”, afirmou a governante aos jornalistas.
A resposta está no equilíbrio
Nesse sentido, Assunção Cristas referiu que o Governo tem procurado dialogar com as indústrias existentes no estuário do Sado para procurar um “equilíbrio entre as actividades económicas e o Ambiente” e que não está prevista nenhuma limitação à actividade.
Um trabalho de longo prazo
“Nos últimos anos temos visto um esforço muito significativo. Penso que existe vontade e envolvimento das diversas entidades que desenvolvem actividade industrial no Sado para que a coexistência com o Ambiente seja o mais harmoniosa possível”, apontou
sapo.pt
 
 
%d bloggers like this: