Portugal está no bom caminho


«Onde há um pirilampo mágico há sempre esperança, e como podem ver hoje, há muitas razões para termos esperança pois Portugal está no bom caminho», afirmou o Ministro da Solidariedade e da Segurança Social, Pedro Mota Soares, na abertura da 25ª campanha do Pirilampo Mágico, no oceanário de Lisboa.

Acrescentando que Portugal «tem magia» e sempre soube ir buscá-la quando foi preciso «justamente por acreditar nas suas capacidades», o Ministro afirmou que um pirilampo espelha muito esta imagem: «Estou certo que será através deste exemplo de coesão, de união de esforços e da solidariedade que iremos ultrapassar estes momentos mais adversos».

Destinado a angariar fundos para pessoas com deficiência intelectual e multideficiência, o Pirilampo Mágico é um projecto que envolve estado, instituições sociais e a sociedade civil. Como sublinha Pedro Mota Soares, «a presença e apoio do estado é fundamental, mas temos de saber desenvolver e fomentar a integração da sociedade no seu todo para as respostas sociais», objectivo que «só conseguiremos se percebermos que existem, numa relação de proximidade, as instituições sociais».

Apontando, assim, para um «novo paradigma de resposta social», o Ministro afirmou que «é a solidariedade de todos que tem de ser desenvolvida», daí ter vindo a realçar que «o estado tem responsabilidades de que não pode abdicar mas tem de saber ombrear com as instituições do terceiro sector».

Sobre o trabalho que tem sido feito com a Federação Nacional de Cooperativas de Solidariedade Social (fenacerci), responsável pelo projeto do Pirilampo Mágico), Pedro Mota Soares concluiu que conta com a federação para «a melhoria das respostas de serviço de apoio domiciliário, centro de actividades ocupacionais e lares».

%d bloggers like this: